Férias (ou Natal e Ano Novo em 3 atos)

Que férias são um período de descanso, reflexão e renovação não é novidade para ninguém, mas realmente desta vez o período me surpreendeu. É claro que isso se deve em parte ao fato de eu ter estado muito cansada, mas cada lugar e cada pessoa contribuíram de maneira especial para tornar nossas férias muito ricas.

Vamos por partes…

Lavras

Começamos e terminamos as férias em Lavras. Esse é um lugar muito especial para nós, onde sempre encontramos pessoas muito especiais (de lá e de fora também!). Muito bom rever a Renata linda e feliz, como há muito eu não via. Além disso, a energia de lá é muito especial. Dois dias de descanso em Lavras parecem ter o efeito de uma semana em qualquer outro lugar!

E o Natal foi extra especial porque meus três sobrinhos muito amados – Isabel, Pedro Henrique e Gabriel – estavam todos lá! Além disso, havia muito tempo que eu não passava o natal com meu irmão Davi.

Tia Bia, Gabi, e os sobrinhos... "Caramba, velho!" como diz o Gabriel

Sítio Colina Verde – Família Duarte

Os muitos membros da família Duarte - Isso é que é árvore genealógica!

Fazer parte de uma família que tem dois grandes patriarcas, seus 14 filhos e respectivos cônjuges, 30 netos e respectivos cônjuges e 13 bisnetos não é para qualquer um. E menos ainda conseguir juntar toda essa gente sob o mesmo teto (barraca conta?!) todo Ano Novo…

Como se fosse pouco, quantas famílias já tiveram time de futebol com hino, uniforme e tudo? E Jornalzinho para contar as histórias? E equipe na Volta à Ilha de Florianópolis? E essas são apenas algumas das nossas muitas aventuras…

E para quem achava que o sítio ficaria mais fraco com a morte da Vó Tita, parece que a nova geração vem com tudo, falando até de tatuagem… Sangue é mesmo mais grosso que água como diriam os dinamarqueses, e como a Luba nunca me deixou esquecer!

Ano Novo 2012: “Agora, agora – Depois, depois”; a tradicional fila da comida; chuva; dois chuveiros quentes (viva!); ninguém pulando na represa (isso já aconteceu antes?!); família Duarte Rocha completa como há muito tempo não se via; boa música (Eula, Murilo, Rebecca, Klaus, Frederico, Guilherme); CD com os milhões de fotos da Dedé; etc.

O Sítio é a nossa casa – o único lugar do mundo onde cabemos todos nós, com todo mundo totalmente à vontade, até mesmo no Ano Novo.

São Paulo

São Paulo é uma cidade especial para todos os membros da família Hedegaard! Agora, além de tudo o que a cidade oferece, ela também tem sido uma Little Danmark, graças à presença dos queridíssimos Jimmy, Raquel e Anna. Aliás, aproveito para fazer uma extensão ao postPraticando a Gratidão e incluir Jimmy e Raquel! Agradeço a vocês por nos oferecerem a enorme alegria de sermos padrinhos da Anna. E por falar nela, não é porque é minha afilhada não, mas que menina linda, sabida, charmosa, carinhosa, enfim… um amor!

Anna e os padrinhos

Cada um de nós voltou trazendo consigo de São Paulo muita coisa especial! Adoramos cada momento que passamos juntos, cada passeio, museu, comida, filme, etc.

Conclusão

Então, para todas essas pessoas muito queridas com quem compartilhamos esses primeiros dias do ano desejamos…

Um feliz 2 Mil  e doce…